Gaga... is this the same Lady?

Está na moda, dá nas vistas, vende que se farta e parece que veio para ficar. Dizem que a miúda tem talento, que canta e dança bem, que tem um vozeirão, que é uma lufada de ar fresco, diferente do que por aí anda, que tem um look espectacular e inovador, que se cansou de compor para outras celebridades e agora compõe para ela mesma, que isto e aquilo.
A mim, inicialmente, perante os videos, irritou-me um bocado e achei tudo muito chungoso, barato e fácil. Aquelas roupas de uma piroseira incrível, os acessórios e maquilhagem altamente exagerados, o visual medonho de quenga reles... Uma mocita feiosa, com cara de rata deslavada, com ar de miúdo traveca, ordinária, vulgar, carnavalesca até à quinta casa, etc e tal...
Calhou depois ver uns excertos de umas entrevistas e, além de algumas roupas de uma originalidade absolutamente fantástica, achei a moça simpática, uma miúda com uma simplicidade, timidez e até humildade que nada têm a ver com o aspecto exageradíssimo que pretende passar.
Entretanto ouvi estas versões dos seus popularuchos temas e gostei. Não esperava mesmo. A moça surpreendeu-me.



10 comentários:

fátima disse...

Olha que estou boquiaberta!!!

Também não estava nada à espera disto, deste vozeirão e desta alteração aos temas que já não consigo ouvir. Qualquer canal, qualquer rádio passa os temas desta rapariga.

Não vou com a cara dela e nem gosto dos temas mas isto sim uma lufada de ar fresco, não os originais que podiam ser de qualquer cantora pop.

O look dela continuo a achar horrível e de muito mau gosto.

Então e estás mais animado em relação à escola em que ficaste colocado. Deixa lá eu nao fiquei em nenhuma, o que é bem pior.

Beijinho

Ginger disse...

Don't like this whore but this is amazing.

Rui disse...

Não gostava nada dela mas vi a entrevista dela na Ellen e gostei da rapariga. Viste?
É isso que tu dizes, ali pareceu mesmo ser muito simples e timida. Vamos lá ver se não lhe sobe a fama à cabeça.
E o fato que ela usou estava demais, demais mesmo. Nunca tinha visto nada assim.
Isto que aqui ouvi não me diz muito, não gosto deste genero mas admito que está fixe e que ela tem mesmo uma grande voz, coisa que não se vê nas musicas originais.

Só João disse...

Gosto dela, mesmo com os os temas populares e o ar Barato! Ar barato tem todas, esta pelo menos fa-lo abertamente e brinca com isso, gosto de gente com sentido de humor e com capacidade de rir de si mesmo de uma forma criativa e arrojada! Like her, call me pop!!!

Emanuel disse...

De referir que toca piano desde os quatro anos, que entrou e saiu com a melhor classificação numa das mais prestigiadas escolas de música do mundo, que canta desde os 14 anos em bares nova iorquinos e que faz questão de gritar a meio mundo que hoje tem a fama que tem e que hoje é o que é devido à comunidade gay que sempre a apoiou e ensinou ;-)
O visual, pessoalmente acho-a genial e fantástica...
Aconselho vivamente a escutares um cover que ela fez da Viva la Vida dos Coldplay, está muito bom...
Enfim, não consigo falar dela imparcialmente, há mais de um ano que a sigo atentamente, ainda ninguém sabia quem ela era e eu já a amava de paixão e sabia o cd todo dela de trás pa frente.
Vamos ver no que vai dar...mas sobre o visual...convenhamos que NENHUMA cantora em início de carreira teve um visual elegante no minímo...as coisas vão melhorando com o tempo.

pinguim disse...

Hummmmm
nada convencido, talvez o defeito não seja dela, mas meu...
Abraço.

Paulo disse...

digamos que tenho dias para a ouvir, mas gosto dela, gosto da forma como se apresenta: exagerada e a contrastar. estas duas interpretações por acaso não conhecia. a GaGa promete!

abraço

F3lixP disse...

A musica é fixolas mas aqueles acessórios todos enervam de facto!

TheTalesMaker disse...

I loved it ...

Morcegos no Sótão disse...

Gosto mais da GaGa pelo que representa e pela força que transmitiu aos milhares de jovens (e suponho que não só jovens) que se sentem inadequados e fracos e sem auto-estima do que propriamente pela música em si. É impressionante o quanto ela fez reunir, através do amor à sua arte e/ou pessoa, pessoas tão diferentes, de backgrounds tão distintos, na humanidade que todos temos em comum. Também adoro a música, é a minha inspiração para o exercício físico!xD

Quanto à figura, adoro. Acho aquele exagero todo fascinante. Principalmente quando a senhora tem uma licenciatura numa área qualquer toda xpto e intelectualóide (Filosofia?) e então imbute tudo o que faz e que usa de simbologia. Não é só um fato de latéx ou um penteado de 1m de altura: significa alguma coisa.

Percebo que haja quem não goste, mas a esses só posso dizer que estão a perder uma das poucas fontes de inspiração que o mundo moderno conheceu nos últimos 20 anos.

MJNuts